Projeto comunitário da UCPel beneficia futuras mães

Acadêmicas do curso de Jornalismo da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) realizam uma ação comunitária para arrecadar produtos de higiene a serem doados aos bebês de mães carentes. O projeto intitulado ‘Primeiro Afeto’ nasceu de uma atividade realizada para a disciplina de Comunicação Comunitária e Cidadania nos meses de maio e junho, pelas acadêmicas Amanda Jaekel, Helena Rocha, Larissa Martins, Laura Amaral e Rafaela Tavares, e deu tão certo que deverá ter sequência. 
O projeto Primeiro Afeto consiste em arrecadar produtos de higiene infantil (fraldas, cotonetes, lenços e roupas) para distribuir às mães com baixo poder aquisitivo, proporcionando carinho ao bebê que está por vir. A iniciativa surgiu devido à vontade das acadêmicas de ter um cuidado especial à futura geração. “Bebês que nascem em condições não apropriadas também merecem atenção e respeito”, comenta Rafaela.
Devido o resultado ter sido muito satisfatório na primeira ação, o objetivo das acadêmicas é continuar com a iniciativa. “Foram arrecadadas cerca de 500 fraldas e mais de 50 peças de roupas, além de outros produtos”, comenta Rafaela. 14 kits com diversos produtos de higiene básica foram entregues na Casa da Gestante, localizada no Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP). 
O projeto comunitário Primeiro Afeto irá continuar realizando ações esporadicamente. Quem possuir interesse em ajudar basta acessar a página “Primeiro Afeto” através do link facebook.com/primeiroafeto e entrar em contato com as idealizadoras. 
Para a docente que ministra a disciplina de Comunicação Comunitária e Cidadania, Cristina Porciúncula, a prática na realização de projetos comunitários é de extrema importância para a formação do perfil profissional dos acadêmicos. “Na comunicação, especialmente no jornalismo, o profissional tem um papel de formar e de conscientização da população. É responsabilidade do jornalista ir a fundo na verdade e transmitir as informações de maneira clara e objetiva”, avalia.
Redação: Alisson Lopes 

foto da notícia

Deixe uma resposta